Numa metáfora aos seres vivos, as cadeiras Macho e Fêmea se juntam num "ato carnal" e, juntas, formam um berço!

 

A licença poética fica para as cores nas quais estão pintadas. Os tons pasteis azul e rosa, também conhecidos como azul bebê e rosa bebê. Quando um novo ser vem ao mundo, este berço lhe oferece a possibilidade de que ele possa se apropriar de uma das cores, das duas ou inventar sua própria mistura. 

DESCRITIVO
Cadeiras
Macho e Fêmea